Depois do “Tijolão”, Nokia ressuscita o “Celular de Matrix”

A HMD Global, dona da marca Nokia, lançou neste domingo (25) cinco smartphones, entre os quais o top de linha Nokia 8 e o repaginado Nokia 8110, o, acesso a apps como Google Maps, Facebook e Twitter.

Com o lançamento feito no Mobile World Congress (MWC) deste ano, a empresa repete a estratégia de 2017, quando também relançou um modelo de sucesso, o Nokia 3310, aquele mesmo do jogo da cobrinha e chamado por muitos de “tijolão” (mas apelidado carinhosamente de “tijolinho”). Continue reading

Advogados dos EUA contratam ajudante robô

advogado robô

Ele se chama Ross e usa o sistema de inteligência artificial Watson, da IBM, para fazer pesquisas em processos. O programa já é usado por dez escritórios de advocacia e se comporta como se fosse um advogado de verdade: entende perguntas feitas em linguagem normal e dá seu parecer jurídico a respeito de qualquer assunto.

A vantagem é que ele é conectado a um banco de dados com milhares de processos, ou seja, lê imediatamente toda a jurisprudência envolvida num determinado tema (quando feita manualmente, essa pesquisa consome até 30% do tempo dos advogados humanos).

No Brasil, seria muito interessante se automatizassem a função dos juízes, para desafogar os fóruns.

Supercomentado!

Fonte: Revista Superinteressante 374 / Bruno Garattoni

O que é NOMOFOBIA?

A nomofobia é uma patologia dos tempos modernos.

É o medo de ficar incomunicável de um jeito bem específico: sem aceso ao celular.

Tecnicamente, há até quem não considere o distúrbio uma fobia de fato, mas apenas uma ansiedade comum associada à dependência do uso de celular. Continue reading

Project Sunroof: Google otimizando o uso de painéis de energia solar

Nesta segunda-feira (17) , o Google lançou o seu mais recente empreendimento no mundo das fontes de energias renováveis, uma ferramenta online para ajudar proprietários de imóveis a calcular o potencial de captação de energia solar dos seus telhados e saber se vale a pena instalar um sistema fotovoltaico. Continue reading

Idéia brilhante: a ciclovia auto-iluminada da Holanda

No filme “O mágico de OZ”, a pequena camponesa Dorothy segue a estrada de tijolos dourados para encontrar o poderoso mágico. Talvez inspirados na história dela (mas sem um mágico no final), o laboratório de design holandês Roosegaarde desenvolveu uma ciclovia que brilha* no escuro. Continue reading

5 Aplicativos para fotografia que até fotógrafos curtem

App Camera +

Atualmente está bem fácil ampliar a lista de fotos com os smartphones. Os aparelhos cada vez mais modernos acompanham câmeras que evoluíram bastante a ponto de registrarem fotos bacanas mesmo num pequeno celular. Para ajudar você que também é um fotógrafo de bolso, conheça alguns bons aplicativos de fotos para smartphones que até fotógrafos profissionais vão curtir. Continue reading

Dá pra beber água da chuva?

tomar agua da chuva

Pode parecer limpa e cristalina, mas não é muito interessante a idéia de beber a água que vem do céu antes de tratá-la, pois no meio do caminho entre a formação das gotículas nas nuvens e o chão, há diversas substâncias na atmosfera. E elas podem ser tóxicas, especialmente se você estiver em uma cidade grande ou industrial. A chuva carrega poluentes da queima de combustíveis, como o benzeno, que é cancerígeno. Aliás, é por isso que a chuva deixa o ar mais limpo, pois ela varre a sujeira do céu.

E não se engane. Longe dos centros urbanos, a água tampouco é potável. O ar é mais limpo, mas as nuvens podem vir de cidades distantes. Um exemplo histórico foi o caso de chuva ácida nos aparentemente incólumes lagos noruegueses, em 1881. Ela trazia partículas de carvão da Inglaterra, a mais de 1 000 km. No Brasil, uma pesquisa realizada pela USP mostrou que os poluentes gerados em São Paulo podem se espalhar por até 350 km em caso de ventos fortes. Além disso, água da chuva de nuvens formadas no campo podem ter excesso de cálcio e potássio. Já nuvens do litoral têm sódio. Essas substâncias podem causar hipertensão e problemas de coração, entre outros. Ou seja, água de chuva não é recomendada para consumo. Até mesmo a de cisternas precisa ser tratada antes.

agua da chuva

Fontes Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp); Izabel Ernesto, supervisora do laboratório da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp); Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP; Marcelo Morgado, assessor de meio ambiente da presidência da Sabesp.

Visto no site da superinteressante.

Supercomentado!